Dionísio da Costa Babo Soares (PhD)
Dionísio da Costa Babo Soares (PhD)Ministro de Estado, Coordenador dos Assuntos da Administração do Estado e da Justiça e Ministro da Administração Estatal

Nota Biográfica

Dionísio da Costa Babo Soares PhD, nasceu em Ermera, no dia 16 de Agosto de 1966, e não é uma figura nova na vida política timorense. Dionísio da Costa Babo Soares, PhD é Ministro de Estado, Coordenador dos Assuntos de Administração do Estado e de Justiça e Ministro da Administração Estatal do VI Governo Constitucional de Timor-Leste no período de 2015-2017, e Secretário-Geral do Partido Congresso Nacional de Reconstrução Timorense, que exerce desde 2007 até hoje, tendo sido eleito duas vezes consecutivas. Já no mandato do V Governo Constitucional (período 2012-2015) assumiu o cargo como Ministro da Justiça, tendo pautado no exercício das suas funções pela realização dos interesses nacionais, bem como contribuindo para o fortalecimento institucional do Estado no âmbito do sector da justiça. Durante o desempenho do cargo como Ministro de Justiça, assumiu também outros cargos, nomeadamente de membro do Conselho de Segurança do Estado, Presidente do Conselho Coordenador no sector da Justiça (2012-2015), Presidente do Conselho de Pedagogia e Gestão no Sector da Justiça, Presidente da Comissão Nacional para Avaliação de Branqueamento de Capitais e Financiamento do Terrorismo (2012-2015) e de Presidente do Conselho Superior para Defensoria Pública (2012-2017). Além das posições estratégicas mencionadas, também lhe foi depositada a confiança para exercer funções nas áreas judiciária e segurança, quer como dirigente, quer como membro, tendo sido alcançados resultados  e progressos notáveis durante dois anos na formação da Polícia Científica de Investigação Criminal (PCIC), bem como no projecto de levantamento do Cadastro Nacional pelo Sistema Nacional de Cadastro (SNC).

Dionísio da Costa Babo Soares, PhD, também participou  em diferentes  atividades, no tempo da resistência, demonstrando um papel ativo na luta pela independência de Timor-Leste. Tendo Participado em atividades informais de resistência dos estudantes nacionalistas, foi um dos assinantes principais da petição enviada à ONU de solicitação de decisão sobre o destino de Timor-Leste, no ano de 1989. Também organizou em Nova Zelândia, juntamente com outros estudantes demostrações na embaixada da Indonésia em Wellington, solicitando uma solução justa para o caso de TL. Foi membro de vários grupos de resistência, incluíndo LEP (Liga dos Estudantes Patriotas), participando em várias demonstrações relativas ao direito de autodeteminação paraTimor-Leste, tanto no interior como no exterior da Nação, nomeadamente na Austrália e na Nova Zelandia. Antes da independência de Timor-Leste, mais precisamente em 1998, juntamente com o Dr. José Ramos Horta, Dr. Mari Alkatiri, Dr. José Luis Guterres, Dr. Vicente Guterres, Sr. David Dias Ximenes e o Eng. Estanislau Aleixo da Silva, participaram num encontro realizado no Algarve, Portugal para preparar as actividades de resistência. Em 1999, mais precisamente no momento da crise despoletada pelo anúncio do resultado de referendo, Dioníso Babo Soares juntamente com o Dr. José Ramos Horta, saudoso João Carrascalão e Dr. Agio Perreira encontraram-se com o Ministro dos Negócios de Estrangeiros Australiano Alexander Downer  em Camberra para insistir a intervenção imediata da comunidade internacional na crise que se deu em TL após o referendo, o qual provocou a retirada das forças invasoras do território de TL.

Como académico, Dionísio da Costa Babo Soares, PhD é licenciado em Direito Constitucional, pela Universidade de Udayana, Denpasar, Bali, Indonésia, em 1990, mestre em Filosofia com especialização em Estudos de Desenvolvimento, pela Universidade de Massey, no norte de Palmerston, Nova Zelândia em 1995 e doutorado (PhD Program) em Ciências de Antropologia, com a elaboração da tese intitulada “Branchingfrom the Trunk: East Timorese Perception of Nationalism in Transition”, pela ANU (Australia National University), Camberra, Austrália. Dionísio da Costa Babo Soares, PhD, iniciou asua carreira académica como docente, Vice Decano da Faculdade de Ciências Sociais e Política e pesquisador na UNTIM (Universidade Timor-Timur) desde 1995 até 1999. A partir de 2012 até a presente data, é membro do Conselho Científico para Pós-Graduação e Pesquisa nos ciclos de estudos de mestrado e doutoramento e do Conselho de Professores da Universidade Nacional de Timor Lorosa’e. Leccionou também em Universidades Privadas, tais como, na Universidadeda Paz, desde 2003 até 2012 e na Universidade de Díli entre 2003 e 2004.

Nos seus tempos livres, dedica-se a atividades musicais, que o levou a compor algumas músicas de destaque durante o período da ocupação indonésia, nomeadamente: Dame Folin Laek ( Lemorai).

Há que referir a publicação de um conjunto vasto de artigos científicos e estudos:

  • The Future Directions of Timor-Leste’s Foreign Policy, Special Report Issue 39 – A reliable partner: Strengthening Australia – Timor-Leste relations, Friday, 8 April 2011;
  • Post-Independence Violence in East Timor: Can History be Blamed? Upcoming Publication by Christian Michelsen Institute, Bergen Norway and Cambridge University Press, 2010;
  • An Overview of Customary Law in East Timor published in a new book, by Prof Paulo Seixas (Universidade Fernando Pessoa – Portugal) in 2007;
  • O Sistema Judicial em Timor Leste, publicado em Timor: Por Trás do Palco 2007, editors Prof. Dra. Kelly Christina e Prof. Dr. Daniel, faculdade Social e da Antropologia, Universidade Nacional Brasília, Brasil;
  • Out of the Ashes: Destruction and Reconstruction of East Timor, Bookco-edited with Prof. James J. Fox, Crowford House Publishing, Adelaide ISBN 1 86333 189 1;
  • East Timor: Perceptions of Culture and Environment, Conference on Sustainable Development and the Environment in East Timor, Published in Sustainable and the Environment in East Timor, Proceedings of the Conference on Sustainable Development in East Timor, held from 25 – 31 January 2001, Timor Aid ISBN 0-646-41716-9;
  • Success, Weakness and Challenges of the Political Transition, in East Timor(Chapter II) in Hadi Susastro and Landry Subianto (eds) Peace-Building and State-Building in East Timor”, CSIS Jakarta;
  • Judiciary Development in East Timor (Chapter III), in Hadi Susastro and Landry Subianto (eds) Peace-Building and State-Building in East Timor”, CSIS Jakarta;
  • Building a Foundation for an Effective Civil Service in East Timor, Pacific Economic Bulletin, Volume 18, 1 May 2003, Asia Pacific Press;
  • Grassroots Reconciliation (and Justice) in East Timor, Asia Pacific Journalof Anthropology, Routledge, Issue: Volume 5, Number 1 / April 2004 Pages: 15 –33. An updated version of this paper was published recently In the United States in a Astrid Shurke et al Roads to Reconciliation (Christian Michelsen Institute,Bergen);
  • East-Timor: Reconciliation and reconstruction, East Timor Law Journal site, online, 2007;
  • A contributor of various articles to different newspapers in East Timor, Australia and Indonesia since 1992.

Contactos

Email: ministro.mae@estatal.gov.tl

Telem.: (+670) 333 9077